Conheça os tipos de embalagens e qual sua importância na logística

15 de março de 2021

Certamente uma das maiores preocupações na logística é assegurar a qualidade nas entregas dos produtos. Deste modo, é realizado investimento significativo em embalagens, com a finalidade de manter a integridade das mercadorias durante todo o trajeto.

Isso porque, em geral o processo logístico possui diversas etapas e devido a isso é necessário ter alguns cuidados. Para entender melhor, em apenas uma operação, vários tipos e formatos de embalagens podem ser utilizados conforme a necessidade.

Além disso, as embalagens dispõem de outras funções importantes, e para saber mais sobre isso, a seguir conheça os tipos e entenda qual a importância deste objeto na logística.

Tipos de embalagem

A saber, existem hoje cinco tipos e funções de embalagens, os quais para entender suas funcionalidades é preciso verificar seus pré-requisitos, sendo divididos em primárias, secundárias, terciárias, quaternárias e quinto nível.

Primária
A embalagem primária trata-se daquela que possui contato direto com o produto, logo tem como principal objetivo protegê-lo diretamente. Como exemplo disso, o saco que armazena o arroz, o plástico que envolve o frasco de xampu, entre outros.

Secundária
Já a secundária armazena, agrupa uma ou mais embalagens primárias que pode ser ou não designada para o transporte. Só para exemplificar este é o caso das caixas de remédio que envolve a cartela de remédio.

Terciária
Em relação às terciárias são voltadas para agrupar diversas embalagens secundárias, e assim prepara as mercadorias para o transporte. Por isso, são conhecidas por embalagens de transporte, já que também facilita e agiliza este processo.

Quaternária
As embalagens quaternárias acondicionam uma enorme quantidade de mercadorias, com o objetivo de simplificar a movimentação e o transporte, como é o caso por exemplo dos paletes.

Quinto nível
E as embalagens de quinto nível destinadas para viagens longas seja nacional ou internacional. Como é o caso dos contêineres que costumam ser usados em remessas internacionais.

Formato e Materiais Usados

Geralmente as embalagens são feitas de materiais que auxiliam na conservação, proteção ou transporte do produto. O papelão, isopor, plástico, madeira e ligas metálicas são alguns dos principais materiais utilizados.

Papelão – Este é muito utilizado para o transporte de cargas secas e que não requerem condições especiais como o controle de temperatura, por exemplo.

Isopor – É o tipo de embalagem utilizada no transporte de eletrodoméstico, eletrônicos, alimentos e produtos refrigerados, já que controla a temperatura e protege bem os produtos.

Plástico – Ideal para itens que não são viáveis de se colocar em caixas, e também serve para unitizar cargas pequenas. Por outro lado, é considerado um material controverso por conta do seu impacto na natureza, por isso é preciso orientar os consumidores para o seu descarte correto.

Madeira – É um dos formatos mais antigos de embalagem, em geral usado por transporte de produtos de hortifruti. Porém, oferece pouca proteção e comparado aos outros materiais não é tão confortável para o consumidor.

Ligas Metálicas – Latas de aço e ligas de alumínio são exemplos deste tipo de embalagem que costuma ser usadas para o transporte de ferramentas, peças de metal, entre outros.

Embalagem, porque tão importante?

Primordialmente, as embalagens dos produtos são para resguardá-las de qualquer tipo de avaria. Mas, além disso, protege os funcionários que devem manuseá-los dentro dos armazéns e durante todo trajeto.

Neste contexto, a importância das embalagens não se diz respeito somente a proteção dos produtos. Entre outras funcionalidades estão também em acomodá-los adequadamente, fornecer informações relacionadas à mercadoria e ainda gerar apelo para o consumidor. Ou seja, a partir das embalagens podem-se criar estratégias de marketing e como viés de comunicação sobre o produto.

Com relação ao armazenamento, contribui para otimizar a estocagem e a movimentação dos produtos no armazém. Desta forma, quanto mais otimizadas forem às embalagens, melhor será a gestão de transporte.

Assim também, quando o assunto é diferencial competitivo logístico, as embalagens inovadoras e diferenciadas é um investimento que pode valer à pena.

Portanto, as embalagens no setor logístico garantem boas práticas durante todo o processo de entrega das mercadorias. Com isso, a escolha ideal resulta em diversos benefícios, mas principalmente na relação custo-benefício e satisfação dos clientes.


Comentários

Quer receber mais dicas gratuitamente?

Cadastre-se para receber dicas sobre Logística


Busco Logística, soluções customizadas para entregar valor e gerar boas experiências com tecnologias e pessoas felizes!